Compartilhe esse conteúdo:

Qualquer execução e experimento em um laboratório envolve a utilização de vários materiais de laboratório.Nosso objetivo com esse post é orientar os usuários de laboratório a função de cada um dos produtos de laboratório.

Vamos abaixo listar as principais vidrarias de laboratório e utensílios :

Erlenmeyer  : frasco de vidro ou plástico que leva o nome do químico alemão, Emil Erlenmeyer. Sua utilização é vasta, podendo ser usado para misturas e soluções.
Tubo de Ensaio: recipientes de vidro alongados e cilíndricos, comumente usados em experiências com pouco volume. Pode ter tampa rosca ou não.
Pipeta : Instrumento de vidro e de  medição, transferência rigorosa de volumes líquidos.
Proveta:  tubo de vidro  cilíndrico com base e aberto em cima, que pode ser fabricado com plástico ou vidro. A característica é a presença de medidas em toda a sua extensão. É utilizada para medição de volumes de líquidos, com baixa precisão.
Lamparina: utensílio destinado a aquecer em pequenas proporções análises que requerem pouco calor. Consiste num reservatório, onde é colocado um líquido combustível, onde mergulha um cordão, por onde o líquido sobe , para ser queimado na outra extremidade (pavio).
Bureta: vidraria utilizada em laboratórios, disposta na vertical (com escoamento de fluido de forma gravitacional), sustentada por um suporte universal (com garras) e, quando em utilização, posicionada sobre um béquer ou erlenmeyer. Utilizada na dosagem volumétrica de reagente químico  nas titulações.

Bico de bunsenproduto de laboratório usado para efetuar aquecimento de soluções em laboratório. um tipo de queimador, muito usado no laboratório, é formado por um tubo com orifícios laterais, na base, por onde entra o ar, o qual se vai misturar com o gás que entra através do tubo de borracha.
Gral ou Grau: Também chamado de almofariz tem a função de moagem de pequenas quantidades.
Placa de petri: Recipiente de forma cilíndrica para uso em laboratório, a placa de petri pode ser de vidro ou placa de petri de  poliestireno, usada em microbiologia.
Pisseta: a pisseta é utilizada para a lavagem de materiais, também pode ser utilizada para álcool e solvente. A pisseta pode ter bico curvo, ou ser pisseta de bico reto. A pisseta também é conhecida como frasco lavador.
Cadinho: recipiente de porcelana ou de vidro suporta aquecimento em elevadas temperaturas, o cadinho de gooch é utilizado em filtrações.

 


Pipeta graduada: instrumento de vidro que permite medição e transferências de pequenas amostras de reagentes químicos ou água.
Balão volumétrico: Recipiente de vidro, frasco semelhante a uma pera porém com pescoço alongado usado para a diluição.
Almofariz: Muito utilizado em farmácia de manipulação para moagem de pequenas amostras. Pode ser de vidro, porcelana ou ágata.
Densímetro: instrumento para medir massa específica,colocado   imerso em um recipiente cheio do líquido do qual se deseja conhecer a massa específica até que ele possa flutuar livremente. A leitura é realizada observando em que marca da gradação fica posicionada a superfície do líquido.
Pistilo: Utilizado junto com o almofariz é a parte que macera as substância no gral.

Participe do nosso Blog, aceitamos sugestões de temas, comentários, críticas. Envie seu comentário.

Qualquer dúvida técnica sobre os equipamentos contidos no portfólio SPLABOR, entre em contato com o Departamento de Vendas ([email protected])

AVISO DE DIREITOS AUTORAIS: Todo o material deste blog, sendo proibida toda e qualquer forma de plágio, cópia, reprodução ou qualquer outra forma de uso.