Compartilhe esse conteúdo:

Hoje em nosso post vamos abordar um tema com muitas dúvidas, um dos itens mais essenciais no laboratório, o destilador de água. Qualquer atividade realizada no laboratório necessita de um destilador de água. Mas porque o destilador de água é tão importante?

Primeiro vamos falar, o que é destilação?

 É o método de separação dos componentes de uma mistura homogênea em que o principal objetivo é utilizar novamente os componentes da mistura.

O que é um destilador de água?

A palavra destilador vem do latim destilar, que significa vaporizar líquidos por meio do calor. O destilador de água é um instrumento de laboratório que é usado para purificar água da torneira por processos de arrefecimento controlado e vaporização . Ao aplicar energia térmica à água na fase líquida, após um processo de aquecimento, ela se transforma em vapor d’água. Isso permite que as moléculas de água sejam separadas das moléculas de outras substâncias ou elementos que são misturados ou diluídos. O vapor d’água é coletado e conduzido por um condensador, onde o vapor é resfriado e retorna à fase líquida.

Em seguida, o condensado é coletado em um tanque de armazenamento diferente. A água destilada tem melhores características de pureza em comparação com a água da torneira; Está praticamente isento de substâncias que o contaminam.

Tipo de destilador de água:

Para que serve o destilador de água?

Toda a água – não importa se vem de uma fonte natural, poço artesiano ou torneira normal pode conter vestígios, mas seguras quantidades de  minerais , bactérias, pesticidas e outros contaminantes. A destilação livra a água de todas essas impurezas. Ele também remove mais de 99,9% dos minerais dissolvidos na água. Os destiladores de água, também chamados de destiladores de água de laboratório, aquecem a água até uma fase de vapor volátil, separando-a das impurezas não voláteis. Embora os termos água deionizada e água destilada sejam frequentemente usados ​​de forma intercambiável, existem diferenças significativas nos tipos de impurezas que são removidas de cada um. Os sistemas de água destilada removem mais do que apenas íons carregados – eles podem filtrar micróbios, compostos orgânicos não voláteis, a maioria dos minerais e muitos produtos químicos.

Embora os aparelhos de laboratório para destilar água por meio da fervura e coleta da condensação estejam em uso há muito tempo, as unidades de destilação de água dos laboratórios modernos oferecem uma série de benefícios em relação aos sistemas manuais. Esses sistemas não apenas aceleram e simplificam muito os processos de destilação de água, mas muitos incluem recursos integrados para minimizar o risco de contaminação. Ao comprar um destilador de água de laboratório, é importante ficar de olho nesses recursos, bem como na capacidade do destilador, no tempo de execução e se ele é adequado para processos de purificação que requerem destilações múltiplas.

O destilador de água é um equipamento para laboratório que é utilizado em diversos segmentos: indústria alimentícia, indústria química, indústria farmacêutica, análises clínicas entre outros. A água destilada  é recomendada para uso em autoclave.

A água destilada se caracteriza pela falta de sólidos em suspensão e é utilizada em múltiplas aplicações em centros de prestação de serviços de saúde, principalmente em laboratório, lavagem e esterilização. No laboratório, o nível de pureza será tanto maior quanto mais especializados forem os procedimentos. Por exemplo: a preparação de reagentes ou material biológico requer água da mais alta qualidade e a destilação é um dos processos fundamentais para isso. (Embora não seja o único que pode ser necessário).

O que faz um destilador de água e como funciona?

Um destilador de água purifica qualquer água e remove todos os contaminantes, como produtos químicos orgânicos, produtos químicos inorgânicos e contaminantes biológicos por meio do processo de destilação. Um destilador de água funciona de forma muito simples.

De maneira bem grosseira, você tem um recipiente fervente com um elemento de aquecimento na parte inferior. Isso leva a água a ferver e começa a ferver lentamente. Essa ação mata qualquer bactéria ou vírus presente. Curiosamente, a fervura é a maneira mais eficaz de matar contaminantes biológicos.

O vapor produzido é água pura. Em seguida, ele passa para os tubos de condensação no topo do destilador. Os tubos de aço inoxidável pelos quais o vapor passa têm aletas de metal saindo deles e um ventilador que sopra ar através deles. Isso resfria o vapor de volta à água. Neste estágio, agora temos água purificada com virtualmente todos os contaminantes químicos removidos.

A água destilada é obtida por meio da condensação de vapor de água obtido pela ebulição da água de rede, esse processo não remove todos os sais, porém ela contém uma concentração menor de sais, isso torna a água destilada viável em alguns processos laboratoriais. A água destilada é armazenada em um barrilete de laboratório ou barrilete para água destilada.

Barrilete de água – um dispositivo no qual é coletado o fluido que foi submetido ao processo de destilação. A água destilada deve ser armazenada em recipientes especiais feitos principalmente de materiais plásticos, para evitar contaminação iônica. Para o efeito são utilizados recipientes de polietileno, polipropileno ou politetrafluoroetileno2.

Qualquer dúvida técnica sobre os equipamentos contidos no portfólio SPLABOR e cotações, entre em contato com o Departamento de Vendas ([email protected]) que encontra-se à disposição.

Participe do nosso Blog, aceitamos sugestões de temas, comentários, críticas. Envie seu comentário.

AVISO DE DIREITOS AUTORAIS: Todo o material deste blog, sendo proibida toda e qualquer forma de plágio, cópia, reprodução ou qualquer outra forma de uso.