Compartilhe esse conteúdo:

O Refratômetro  faz uso do princípio do ângulo crítico ou ângulo limite de reflexão total, que tem relação com as propriedades ópticas do material. A luz que passa de um meio a outro sofre refração, uma mudança do ângulo de incidência, que medido pode revelar características próprias do material.

 

O refratômetro é  um instrumento óptico utilizado para medir o índice de refração de uma substância translúcida. Inventado por William Hyde Wollaston, em 1802, teve em Ernst Abbe seu desenvolvedor para um modelo prático.

 

Ele pode ser utilizado para determinar a identidade de um material desconhecido a partir da medida de seu índice de refração; pode ser utilizado para determinar a concentração de uma substância dissolvida em outra ou ainda determinar a pureza de uma determinada substância.

O uso mais comum é na determinação da concentração de açúcar utilizando um refratômetro para frutas , também conhecido por índice de Brix em frutas,  refratômetro para doces ,  refratômetro para geleia , refratômetro para  mel e outros alimentos.

Nos modelos mais comuns, uma gota do fluido a analisar, por exemplo uma gota de sumo de laranja, é colocada sobre o prisma do aparelho, mudando o índice de refração, em função da concentração de um soluto presente no mesmo, no exemplo o açúcar da fruta. O Refratômetro também é usado também para medir a concentração de proteínas ou a salinidade no sangue. Com ele também é medida a salinidade da água do mar em estudos oceanográficos.

Tem ainda variado uso na indústria, para medir líquidos anticongelantes e outros fluidos industriais.

Existem alguns tipos de refratômetro: refratômetro analógico, refratômetro digital , de laboratório (refratômetro de Abbe) e os chamados refratômetros em linha.

 

Para aqueles que desconhecem o termo  ARLA 32, uma breve explicação :

O nome ARLA 32 deve ser explicado separando os termos, ou seja, o ARLA é a abreviação de “Agente Redutor Liquido de Óxidos de Nitrogênio (NOx) Automotivo”. Já o número 32 refere-se ao percentual de concentração da solução de ureia (32,5%) em água desmineralizada.

 

Essa substância (ARLA 32) é utilizada para reduzir quimicamente as emissões de Óxidos de Nitrogênio em sistemas de exaustão, como por exemplo, nos gases de escape dos veículos a diesel. Não é considerada tóxica, nem explosiva e inflamável, sem proporcionar danos ao meio ambiente.

Muitas pessoas questionam se o ARLA 32 seria uma solução de uréia. A resposta é SIM, porém essa ureia possui alto grau de pureza (um tipo especial), diferente da ureia comercializada no Brasil. É claro que esse aspecto pode ser diferente, dependendo o fornecedor da substância.

Tratando-se de controle de qualidade, um equipamento muito utilizado é o Refratômetro para Arla 32.

Seguem algumas indicações para o Refratômetro (amostras aquosas ou pastosas translúcidas): Arla32,  refratômetro para etilenoglicol, refratômetro para propilenoglicol, fluído de bateria, fluído de limpeza.

Qualquer dúvida técnica sobre os equipamentos contidos no portfólio SPLABOR e cotações, entre em contato com o Departamento de Vendas ([email protected]) que encontra-se à disposição.

Participe do nosso Blog, aceitamos sugestões de temas, comentários, críticas. Envie seu comentário.

AVISO DE DIREITOS AUTORAIS: Todo o material deste blog, sendo proibida toda e qualquer forma de plágio, cópia, reprodução ou qualquer outra forma de uso.