Compartilhe esse conteúdo:

O hematócrito foi determinado pelo método manual utilizando-se centrífuga microhematócrito da seguinte forma: o sangue total colhido no frasco com anticoagulante e à temperatura ambiente foi homogeneizado com delicadeza até garantir perfeita homogeneização da amostra. Um tubo de micro-hematócrito ( tubo capilar com 75 mm) de cada amostra(tubo 1 a 5) foi preenchido de sangue até aproximadamente ¾ de sua capacidade.
Uma de suas extremidades foi vedada com massa. O tubo foi centrifugado a 10,000 RPM (rotações por minuto) por 5 minutos. Os eritrócitos possuem maior peso e foram forçados para o fundo do tubo. Os leucócitos e plaquetas formaram uma fina camada entre eritrócitos e plasma e, o plasma acomodou-se no topo. A altura da coluna de eritrócitos foi medida como  percentagem da coluna de sangue total em cartão especial para leitura de hematócrito.
Para avaliação da proteína plasmática, o plasma de cada tubo de microhematócrito foi observado em refratômetro manual.O hematócrito (Ht) representa um dos mais importantes exames laboratoriais.

 

É um exame rápido, de boa reprodutibilidade e preciso, que exige pequena quantidade de sangue para seu processamento. O hematócrito corresponde ao volume ocupado pelos eritrócitos contidos numa certa quantidade de sangue total. Atualmente, a técnica do microhematócrito, desenvolvida em tubos capilares, é a mais difundida.O volume relativo ocupado pelos eritrócitos em uma amostra de sangue é quantificado como hematócrito (ou volume celular condensado). O hematócrito é expresso em porcentagem por volume. Por exemplo, um hematócrito de 25% significa que há 25 mililitros de eritrócitos em 100 mililitros de sangue. O termo “hematócrito” foi criado em 1903 e vem do grego hemat-,sangue + krites, julgar =julgar ou avaliar o sangue.

 

Técnica do hematócrito ou Microhematócrito:

O hematócrito foi determinado utilizando-se centrífuga microhematócrito  da
seguinte forma: o sangue total colhido no frasco com anticoagulante e à temperatura
ambiente foi homogeneizado com delicadeza até garantir perfeita homogeneização
da amostra. Um tubo de micro-hematócrito (capilar com 75 mm) de cada amostra
(tubo 1 a 5) foi preenchido de sangue até aproximadamente ¾ de sua capacidade.
Uma de suas extremidades foi vedada com massa de modelar. O tubo foi
centrifugado em uma centrífuga microhematócrito  a 10,000 RPM (rotações por minuto) por 5 minutos. Os eritrócitos possuem maior peso e foram forçados para o fundo do tubo. Os leucócitos e plaquetas formaram uma fina camada entre eritrócitos e plasma e, o plasma acomodou-se no topo. A altura da coluna de eritrócitos foi medida como  percentagem da coluna de sangue total em cartão especial para leitura de
hematócrito.

De acordo com o “National Institute of Health”, os intervalos normais de hematócrito são:

1. Mulher: 36,1-44.3%
2. Homem: 40,7- 50,3%

Os homens têm valores de hematócrito e hemoglobina mais elevados que as mulheres porque a testosterona estimula a produção renal de EPO (Eritropoetina) e, portanto, a produção de glóbulos vermelhos. O hematócrito baixo e a hemoglobina baixa podem ser causadas por várias doenças.

  • Uma das causas mais graves é a hemorragia.

Participe do nosso blog, envie seu comentário, dúvida ou sugestão.

AVISO DE DIREITOS AUTORAIS: Todo o material deste blog, sendo proibida toda e qualquer forma de plágio, cópia, reprodução ou qualquer outra forma de uso.
Qualquer dúvida técnica sobre os equipamentos contidos no portfólio SPLABOR, entre em contato com o Departamento de Vendas ([email protected])

Fonte: https://www.fisioterapiaparatodos.com/p/problemas-de circulacao/hematocrito-baixo/