Compartilhe esse conteúdo:

A Bomba Peristáltica é empregada em diversos segmentos na transferência de fluídos, sejam eles líquidos ou viscosos. É possível bombeá-los conhecendo a vazão em que este procedimento se dá e ainda a medida exata do que é transposto. Por possuir diversos modelos, é possível identificar a utilização deste equipamento para laboratório em vários setores relacionados à pesquisa e produção. A linha de Bomba Peristaltica da Masterflex é distribuída pela empresa Cole Parmer, companhia americana representada no Brasil pela SPLABOR Equipamentos para Laboratórios.

Para conhecer um pouco mais sobre as aplicações das Bombas Peristálticas, acompanhe:

>> Indústria Farmacêutica e Biotecnológica

Neste setor, a Bomba Peristaltica Masterflex é empregada em processos de embalagem e enchimento, colheita e/ou distribuição de cultura de células, fermentadores, manipulação de alimentos, revestimento de pílulas, fracionamento de amostras de soro e diversos outros procedimentos que envolvam a transferência de fluidos. A amostra bombeada entra em contato apenas com a tubulação, por isso torna o processo isento de contaminação onde consequentemente, a limpeza é facilitada.

Os modelos de Bombas Peristálticas utilizados nestas aplicações costumam ser os da linha L/S, I/P, e/ou B/T. O critério de decisão será a vazão (mL/min ou L/min) desejada e detalhes (especificações técnicas) de cada modelo de drive, cabeça e tubulação (mangueira para bomba peristaltica) – partes estas que compõem um sistema de bombas peristáltica completo.

>> Indústria Química

Utilizada também neste tipo de indústria, as Bombas Peristálticas estão presentes durante o processo de produção de aço, refinamento de cobre, estampagem de metais e formação. Destaca-se o fato de que esse segmento de equipamento abrange uma ampla gama de aplicações.

>> Indústria Alimentícia

É aplicada na produção de leite, iogurtes e suplementos. Para este tipo de uso, os modelos indicados serão escolhidos de acordo com a necessidade do usuário final, na qual, independente do segmento de aplicação, haverá sempre uma formulação de mangueira apropriada, que possua melhor perfil de comportamento – quimicamente falando.

>> Indústria Petroquímica

Em procedimentos realizados neste tipo de indústria, a Bomba Peristáltica promove Flotação, Extração de solvente, Transferência de lodo, Transferência de massa e Liberação mineral, por exemplo.

O usuário precisa se atentar quanto ao tipo de bomba indicada para a aplicação que necessita, ou seja, deve-se escolher a tubulação, considerando o tipo de fluido que passará pela mangueira e a partir daí, proceder com a escolha de um dos modelos de cabeça e drive.

Para realizar procedimentos que necessitem de uma dispensação mínima, que fogem da capacidade humana em realizá-los, a Bomba de Seringa Cole-Parmer pode ser empregada. Ela é capaz, por exemplo, de transferir 1 mL de fluido por hora ou quantidades ainda mais extremas

Qualquer dúvida técnica sobre os equipamentos contidos no portfólio SPLABOR e cotações, entre em contato com o Departamento de Vendas ([email protected]) que encontra-se à disposição.

Participe do nosso Blog, aceitamos sugestões de temas, comentários, críticas. Envie seu comentário.

AVISO DE DIREITOS AUTORAIS: Todo o material deste blog, sendo proibida toda e qualquer forma de plágio, cópia, reprodução ou qualquer outra forma de uso.